terça-feira, 5 de abril de 2011

Sorriso

Uma canção no coração do vento
voa como um poema ritmado.
Uma lágrima escorre pelo rosto
como uma gota d’água
ressurgindo do Paraíba do Sul.
Um sorriso de uma criança,
torna-se a razão de viver,
rouba palavras
na memória de Frei Tomás.
Voa intensamente
durante o dia,
que se transforma em noite
por meio de lindo eclipse.

9 comentários:

  1. Um sorriso é sempre algo aprazível. Vindo de uma criança extravasa toda a definição de felicidade.
    Abraço.

    OA.S

    ResponderExcluir
  2. Un sorriso anche da me! Ciao!

    ResponderExcluir
  3. Musica linda, poema lindo.


    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. que delícia!!!..
    riso de criança é tudo!
    linda música..
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Muitos sorrisos para ti querido amigo

    ResponderExcluir
  6. "Um Sorriso custa pouco, mas rende muito, não empobrece quem o dá, mas enriquece quem o recebe, pode durar um minuto, mas permanece na lembrança para sempre!"

    Beijocas em seu coração.. e que o sorriso seja constante em seu caminhar [:)]

    Verinha

    ResponderExcluir
  7. Linda musica...
    Felicidade é ser criança...beijos achocolatados

    ResponderExcluir
  8. Oi menino
    Um poema doce, desses que a gente lê várias vezes e não se cansa. Amei.
    Bjux

    ResponderExcluir
  9. Me encanta las sonrisas!! Aunque no hablo portugese, siento felicdad ver su blog!

    ResponderExcluir